BRISA QUE PASSA

BRISA QUE PASSA

Recordações que o mar nunca levou,
Mas que minh’ alma guarda,
Como a brisa que toca em meu rosto
Lembrando carinhos teus

Suaves,
Delicados,
Pois leram palavras que não falei
Mas que ambos obtemos

Uma aragem quente,
Faz-me sentir tua respiração,
Presente,
Em memória viva
E desejada

Mas a brisa passa,
E tuas carícias estarão em mim,
Sempre...

Fátima Porto

Comentários

Mensagens populares deste blogue

FIM DE LUTA

VIVENDO O AMOR