segunda-feira, 4 de agosto de 2014

SEGREDOS

SEGREDOS

Bocas que falam
Num significado da alma
Que arrepia,
Sentindo sem olhar

Dedos que não têm segredos
Em nossos corpos nus
Na emoção do silêncio

Queremo-nos,
Em louco desejo,
Onde o segredo não tem culpa
Pois em amor
É fascínio sem proibição…

Fátima Porto

Sem comentários:

Enviar um comentário

POUSAS AO DE LEVE