sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

...



….

…O tempo e a solidão
Meus melhores companheiros

Escrevo palavras que deito ao mar
Contidas no meu peito
No silêncio e esperas
De boca calada…

Fátima Porto
ATENÇÃO: Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário

SENTIMENTOS SEM PALAVRAS