quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

MEUS PRIMEIROS PASSOS




Transformei meus pensamentos
Que de lágrimas rolavam
Nas saudades que apertam o peito
Em nuvens brancas levadas p’la brisa

Doce infância não mais esquecida
Aquecida sob o sol na praia
Saboreando as raízes
E a Família que Deus me deu

São páginas do Livro da Vida
As primeiras que escrevi
De mão trémula mas feliz
Com sorrisos e aplausos
Mas debruadas a ouro

Tempos que não voltam mais
Perdidos na lembrança
Do cheiro da terra molhada
Deixando o perfume das rosas
Que baloiçando desfiz

A Vida passa como um filme
Com personagens reais
Passo a passo, muito rápido
Mas para algumas já houve “fim”

Mas o Livro continua
De páginas em branco a escrever
Trazendo recordações d’um passado
Para viver o presente
Num desejo p’ro futuro…

Fátima Porto
Fotografia de : Bruno Caratão
ATENÇÃO: Texto registado e protegido pelo IGAC

(Apenas uma explicação: o Pai Natal trouxe-me um filme com a minha meniniçe perto e na zona onde Bruno Caratão tirou esta foto...resultado: "devorei" o filme ate às 3 horas da manhã.. e que depois se transformou neste poema)

Sem comentários:

Enviar um comentário

SENTIMENTOS SEM PALAVRAS