segunda-feira, 8 de julho de 2013

CANSADA

CANSADA

…Estou cansada
De ser sempre igual

Estou cansada
Dos meus sentimentos traírem-me

Estou cansada
Dos silêncios na solidão

Estou cansada
De sorrir quando nada está bem

Estou cansada
Com o interesse no amor

Estou cansada
Com a maldade dos homens

Estou cansada
Dos “atores” no palco da Vida

Estou cansada
De abafar meus gritos

Estou cansada
De engolir lágrimas de dor

Estou cansada
De coser meu peito com perdão

Estou cansada….


Fátima Porto
Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário

FAZ FALTA OUVIR O CORAÇÃO