sexta-feira, 10 de junho de 2011

FOGO


Fogo que incendeias
minh'alma
dás calor ao meu corpo
Sinto arder
uma chama
que me derruba
Fogo que aclareias
meu caminho
mostra-me
o horizonte nublado
Fogo que matas
e destróis
corróis minhas entranhas
Afasta-te
Quero-te presente
em ténue chama
que não queime
meus pensamentos
Mas não arrefeças
meu corpo
fogo...

Sem comentários:

Enviar um comentário

UTANHA WÁTUA!

Singela homenagem a Carlos Gouveia (Goia),conhecido poeta Angolano Benguelense Retirado do seu livro com Edição CONVIVIUM BENGUELA 1972 ...