domingo, 12 de junho de 2011

QUERO AMAR-TE


Quero ser
amada por ti
e amar-te
sentir-me inundada
mergulhada
por ti
num dia de sol
em que as àguas
escorrem
cachoeiras sem fim
Assim eu te quero em mim
Revolvendo meu corpo
em doces caricias
num turbilhão de desejos
d'um doce amar
Quero-te minha paixão
como se quer o sol para o dia
e a luz de prata da lua à noite
Desejo-te
como o ar que respiro
perfumado e doce
Vamos amar-nos

1 comentário:

  1. COMO É BOM ANOITECER E AMANHECER AMANDO
    SE REFRESCANDO OU SE ESQUENTANDO NESSE
    INTENSO ARDOR .CACHOEIRAS DE MEL A SE DERRAMAREM DENTRO DO TEU SER ,CAUSANDO UM ÊXTASE QUE REVOLVE AS ENTRANHAS E ELEVA AO CÉU...
    QUERO SEMPRE ESSA PAIXÃO CHEIA DE TESÃO ,ESSAS CARÍCIAS INTENSAS QUE ME FAZEM RODOPIAR NA VALSA DO AMOR, QUE ME FAZEM GEMER ATÉ PARECEND..DOR...
    SIM ...ESSE AR PERFUMADO E DOCE É CHAMADO ...AMOR...

    ResponderEliminar

RENDER-ME AO CASTIGO