quarta-feira, 11 de abril de 2012

SERENAMENTE




Vem…
Vem que na espera
Eu já sinto tua presença
Teu perfume e teu olhar
Vem…
O calor dos teus braços
E beijos num querer
Ainda mais louco
Vem…
Tuas caricias na distância
Sinto a degustar
Atraindo nossos corpos
Em desejos e vontades
Vem…
Queremos-mos mais que nunca
Até que o cansaço nos consuma
Pousando a cabeça no teu peito
Serenamente deleitados…




Fatima Porto

Sem comentários:

Enviar um comentário

DESCOBRIR-ME...