sábado, 3 de março de 2012

BALOIÇAR




Vejo para além do presente
Um passado amarrado
Flutuando hoje
Nos baloiçar de teus braços

Paro para sentir o calor
Que chega até mim
Sei que és tu a pensar
Palavras não são precisas

Pelos jardins da vida
Regam-se flores de paixão
Em beijos de namorados
Que mesmo longe são dados

Vem baloiçar comigo
No jardim da esperança
Sorrir de mãos dadas
Com tuas carícias de amor….

1 comentário:

  1. Parabéns, poetisa pelo maravilhoso blog.

    Seus poemas belíssimos encantam a alma.

    ResponderEliminar

DESCOBRIR-ME...