quinta-feira, 6 de junho de 2013

NOTAS DA VIDA




Vai-se desenhando a vida
Em fusas e semi-fusas
Ao toque da batuta
Numa pauta quase em branco

Quase que se sente o DÓ
Numa oitava em LÁ
Pois era um sustenido
Abafado no calor do SOL

Pianíssimo ficou-se em MI
Para o acorde seguinte
De um bemol que seria o RÉ
Tendo um cruzar de mãos
Para se tocar o FÁ

Que melodia suave,
Escrita na clave da voz,
Pois os mestres somos nós
Na música que se ouve para SI


Fátima Porto
Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário

AO TELEFONE TUA VOZ, NOSSO DESEJO