domingo, 14 de abril de 2013

ENVOLVE-ME




Abraça com teus braços
E acolhe-me de memórias tristes
Fazendo voar em sonhos
Transportados por desejos de vontades

Cinge-me pelos teus braços
Deixando sentir o abraço
No aconchego do ombro
Em corpos unidos, colados

Envolve nos teus braços
Transbordando de carícias
Querendo-te como meu esconderijo
Quando chegar a noite, e estremecer

Abraça com teus braços
E permanecer serenos
Até que nossos olhos se fechem,
Quando a escuridão da noite
Cair em nós

Envolve-me…

Fátima Porto
Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário