quinta-feira, 11 de abril de 2013

TER-TE PARA MIM




Como te queria ver,
Matar esta saudade que tortura

Queria olhar para ti
Ouvir a tua voz
Tocar-te,
Beijar-te,
Revelar-te quão falta me fazes

Queria ter-te perto
Estar cada momento ao teu lado
Dar e receber beijos apaixonados
Sentir o teu corpo suado
Estar em tuas fantasias
Como um sonho iluminado

Ansiava poder acordar contigo
Dormir, os dois abraçados

Desejava dizer:
Bom dia amor!

Apetecia-me trazer café da manhã
Amar-mo-nos pela manhã

Saborear a vida contigo

Pois só queria…
Ter-te para mim…

Fátima Porto
Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário