terça-feira, 12 de julho de 2011

SIMPLES CANETA

Pego na caneta
para te escrever
poemas
cartas
Mas meu pensamento
corre mais depressa que eu
e eu voou até ti
Sinto-te presente
mesmo ausente
os desejos
quereres
a ânsia de um beijo
o toque suave
de tuas caricias
palavras meigas
ditas em sussurro
Mas o meu pensamento voou
de caneta na mão
de página em branco
do sentimento que sinto....

1 comentário:

RASAS E ESPINHOS