domingo, 31 de julho de 2011

VIAJANDO NO ESPAÇO


Na tua nave
o astonauta viaja
até mesmo no espaço do Amor
Com tuas palavras
que atigem certeiras a alma
no universo
de teus amigos
entrega-se
doa-se
sem olhar ao receber
Bom astronauta vê de sua nave
as tristezas
melâncolias
revoltas
mas só que é Paz
nem que através de tuas palavras
e nas "entrelinhas"
dê um "puxão de orelhas"
para que o Amor
alegria
e sobretudo a Paz
volte a reinar
A tua nave abarca
não só a Terra com Amigos
mas um Universo
que é a tua Alma de entrega
de Poeta
Amigo
já pouco existe
e há que preservar
Como agradeço ter-te conheçido
astronauta que viajas
libertando Paz
fazendo-te esta singela Homenagem
e aplaudindo-te de pé....

Sem comentários:

Enviar um comentário

RASAS E ESPINHOS