terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

DESEJO QUENTE



Nosso amor é quente
Não importa o lugar

Existe um provocar mútuo
que eu quero
Tu desejas

Paixão que se cruza
Num olhar de soslaio

Acarinho-te suavemente
Teus dedos provocam arrepios
Pernas te entrelaçam
Sentindo vibrar
Beijas
Mordendo lentamente
A tensão aumenta.

Eu e tu
Tu e eu
O desejo é maior

Sente-me como eu sou
No meio deste calor
Num encaixe perfeito
Para a prova
Do desejo escondido

Palavras não existem
Onde os olhares falam
E bocas provam sentidos
Do fogo desejado…

Sem comentários:

Enviar um comentário