quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

SENTIMENTOS EM FOGO




Em chamas
sinto-me em ti
num fogo
que incendeia

Sem ventos
criam-se remoinhos
labaredas
de corpos ao rubro

Ateado
fervendo
faz nossos corpos
contrair e vibrar

Fogo
Chamas
Desejo
Explosão

Alma de vulcão
Que fervilha e rebenta
Do amor em lava incandescente

Ah como os sentimentos
Se declaram sem falarem
Em sublime paixão…

1 comentário:

  1. .

    Caríssima Poeta:

    Seus poemas me chamam, brasa dormida, a arder em fogo alto as chamas da paixão...

    Vulcânica beleza, a sua poesia é plena de poética sensualidade, coisa linda de se ver...

    Carinhosamente,

    ANJES

    ResponderEliminar