sábado, 9 de março de 2013

COMO QUERO




Como quero beijar tua boca
Não só uma vez
Mas as vezes que o meu coração pedir

Como quero sentir teu aroma
Aquele que teu corpo exala

Como quero tocar teu corpo
Conforme vejo em sonhos

Como quero ouvir tua voz
Bem perto do ouvido
Sussurrando palavras de carinho

Como quero olhar teus olhos
Bem dentro da alma
No calor do respirar
Como vento sem destino

Meu corpo clama
Como te quero
Minh’alma chama
Como barco sem leme
Te desejo…

Fátima Porto
Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário