terça-feira, 19 de março de 2013

ESTOU COM SAUDADES


ESTOU COM SAUDADES

SAUDADES do teu olhar
SAUDADES da tua voz
SAUDADES dos teus conselhos
SAUDADES até de quando ralhavas
SAUDADES de quando eu encostava a minha cabeça no teu ombro

SAUDADES...

SAUDADES de quando falávamos em silêncio
SAUDADES de ouvir o teu clamar p’la terra que te viu nascer
SAUDADES das lágrimas que derramaste por não poder voltar
SAUDADES por não te ter aqui

ESTOU COM SAUDADES, MEU PAI…

Fátima Porto
Fotografia de : Bruno Caratão - CATUMBELA
Texto registado e protegido pelo IGAC

Sem comentários:

Enviar um comentário

PRAIA DA SERENIDADE