sábado, 11 de maio de 2013

E VOU DIVAGANDO




Sou aquilo que sou,
Em pensamentos,
Imaginação,
Poetizando sentimentos
Escondidos em minh'alma
Num querer abarcar
No que nunca fui

Querendo ser alguém,
Correndo veredas,
Calcorreando atalhos
Sem fim,
Olhando o horizonte
Por distâncias
Incalculáveis
Onde o sentimento
Vê o que os olhos
Não alcançam

Como vou divagando
Como chuva branda
Num dia de calor
Para apaziguar
Minha dor!


Fátima Porto

Sem comentários:

Enviar um comentário

FAZ FALTA OUVIR O CORAÇÃO