quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

AFAGO



Fui para o monte mais alto
À tardinha, ao sol-pôr
Deixei cabelos ao vento
A brisa tocou no rosto
Imaginei carícias tuas
Leve afago num beijo

Querendo que o vento me levasse
Soltei minha fantasia
Nas asas da imaginação

Sem comentários:

Enviar um comentário

RENDER-ME AO CASTIGO