sábado, 10 de dezembro de 2011

SONHOS EM PENAS



Penas minhas
Voem até ti
Numa brisa por mim soprada
Quero que elas te toquem
Como carinhos meus

Leve
De mansinho
Para não te acordar
Eu estivesse em sonhos
Nos teus braços
Errantes em imenso amor

As penas já voaram
Pela minha imaginação
Vagueio
Mas só…

Sem comentários:

Enviar um comentário