segunda-feira, 5 de setembro de 2011

AO SABOR DA CORRENTE


Solto notas
Molhando a melodia
Em prazer
De sinfonia

Ao sabor da corrente
Vão-se ouvindo
Trinados
Com sustenidos
E Oitavas
Em clave de sol

Águas calmas
Como uma valsa
Onde os corpos
Em leveza
Ondulam
Num som
Pianíssimo …

1 comentário:

  1. O QUE DIZER DESSA CORRENTE QUE MOLHA AS NOTAS TOCADAS EM CÂNTICOS DE AMOR...

    ResponderEliminar

FAZ FALTA OUVIR O CORAÇÃO