quinta-feira, 29 de setembro de 2011

NA PRAIA


Fecho os olhos
Parece que tive um sonho

Vejo-nos
De mãos dadas
Na areia molhada
Da praia
Olhando o mar
Além do horizonte

Em silêncio
Beijos
Carícias trocamos
Como se ela fosse nossa

Uma onda fria
Veio desfazer-se na areia
Nossos pés molhar
Avivando certezas
Pois éramos um só
De desejos
E paixão

Ainda sinto
O sabor de teus beijos
Numa praia
Que por momentos
Foi só nossa …

Poema editado no Jornal O REBATE de Macaé - Brasil

Sem comentários:

Enviar um comentário

PEDRAS DA CALÇADA