sábado, 17 de setembro de 2011

TRISTE FADO


Destino
Um dia chorado
Sina
Amargurada
De alma triste

Abandonada

Corpo esventrado
Ao vento
Rosto molhado
Por lágrimas caladas
No silêncio
De um fado traçado

2 comentários:

  1. Ao ouvir o autêntico Fado Portugês, irei lembrar de suas "lágrimas caladas no silêncio de um fado traçado".
    Tansbordei de tanta emoção!...
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  2. POR SI SÓ O FADO CHORA LÁGRIMAS VINDA DA GARGANTA DE QUEM O CANTA E ENCANTA SEMPRE QUE SABE APRECIÁ-LO COM SINGELEZA... MARAVILHOSO MENINA PORTO...

    ResponderEliminar

É NA PENUMBRA