quinta-feira, 1 de setembro de 2011

MARCADA



Estou condenada
Com roseiras
Cheirosas
Teu corpo
Que em mim soltaste

Existe um anseio
Imenso
Tua figura
Ardor
Afagando-me
Pois na minha solidão
Sinto-me gelada

Só teus estigmas
Rosas que não definham …

1 comentário:

  1. A PROFUNDIDADE DO SEU AMOR EXPRESSADO EM SEUS POEMAS NOS DA A DIMENSÃO DE UM LIVRO INTEIRO CONTANDO TODA UMA HISTÓRIA QUE PODE SER VERDADEIRA NOSSA E DE QUALQUER UM...

    ResponderEliminar

É NA PENUMBRA